domingo, 1 de março de 2009


Com um susto eu me acordo.

É madrugada,e está chovendo.

Nú e sozinho eu me desperto assustado,

solitário e confuso.

Minha cabeça dói,o meu corpo dói

a boca amarga da bebida com os amigos

a garganta seca pede um gole de água.

Eles se foram,minha alegria também

e agora olhando para o teto sob a fraca luz do

abajur,eu me pego pensando...

E confuso tenho medo do futuro.

A minha vida é um relógio atômico.

Tudo em minha vida é rotina.

Porque será que as coisas não mudam?

Eu até já pensei em desistir,jogar tudo para cima,

acabar logo de uma vez com tudo isso.

Porque viver assim,porque insistir nessa mesmice...?

Sim,eu já tentei a fé.

Tentei a família.

E até os amigos eu já recorri.

Mas nada deu certo,como tudo em minha vida.

Sinceramente eu não sei.

Não sei por quanto tempo vou resistir

Somente Deus poderá mudar o meu destino e o meu futuro,

ou então o meu destino será um futuro sem Deus.



J.LIMA

1 comentários:

Sabrith disse...

Bom Dia Zeus!
Que texto maravilhoso, tava inspirado hein?
Boa Semana amigo
Bjokas

Nossos Visitantes